Voltar

16/06/2016 22:41

Bragantino vacila e perde a liderança na Série A2

Na noite de sábado, 19, o Bragantino vacilou e foi derrotado pelo Marília, no Estádio Bento de Abreu, em jogo válido pela 15ª rodada da Série A 2 do Paulista. Com esse resultado o Braga perdeu a liderança caindo para a segunda colocação. O único gol da partida foi marcado por Thiago Santos de pênalti, ainda no primeiro tempo.
O Braga não começou bem na partida, tanto que nos primeiros minutos o Marília chegou duas vezes com perigo ao gol de Felipe. Depois disso, o Braga melhorou na partida e quase abriu o placar aos 15 minutos, quando Serginho arriscou de longe, mas a bola saiu pela direita do goleiro Cleriston.
Porém aos 35 minutos, após cruzamento do lateral Cortez, a zaga derrubou Thiago Santos na área que subiu para cabecear. O árbitro estava ligado no lance e marcou pênalti. O próprio Thiago foi para a cobrança e chutou forte rasteiro no canto direito do goleiro do Braga, Felipe, que nem pulou na bola. 1 a 0 para o time da casa.
No último lance da primeira etapa, o árbitro marcou mais um pênalti, dessa vez para o Bragantino. Thiago Santos foi para a bola, chutou forte, mas a bola foi no travessão e saiu. Depois do lance, acabou a primeira etapa.
SEGUNDO TEMPO- Atrás no placar, o Bragantino começou com tudo no segundo tempo em busca do gol de empate. A chance mais clara aconteceu aos 25 minutos, quando em um contra ataque Erick ficou cara a cara com o goleiro mas chutou para fora. Aos 35 minutos, Éder Santana também teve sua chance mas o zagueiro Thiago Resende conseguiu afastar o perigo.
O Bragantino continuava pressionando, tanto que aos 40 minutos Erick chutou firme de perna esquerda, mas Cleriston conseguiu fazer uma bela defesa. A bola ainda bateu no travessão, antes de sair. Depois disso, não houve tempo para mais nada e o MAC venceu a partida.
O Bragantino entrou com Felipe; Alemão, Jesiel, Éder Lima e Bruno Pacheco; Edson Sitta (Tartá), Serginho (Victor) e Leandro Oliveira (Renan); Erick, Elder Santana e Thiago Santos. Técnico: Léo Condé.
Marília teve em campo Cleriston; Carlinhos, Marcos, Rodrigo Paganelli e Cortez; Romarinho, Yan (Allison), Marquinho (Israel) e Willian Kremer; Thiago Santos (Makelele) e Tiago Resende. Técnico: Luiz Andrade.

Fonte: Gazeta Bragantina


← Voltar