Voltar

07/03/2019 21:51

Governador João Doria visita Bragança e promete obras em rodovias

O Governador do Estado de São Paulo João Doria esteve em Bragança Paulista na manhã desta quinta-feira, 7. Ele chegou de helicóptero, por volta das 10h25, no estádio do Clube Atlético Bragantino. onde foi recepcionado por autoridades. Na sequência, participou de uma solenidade na Prefeitura. De lá seguiu para o Vista Alegre, onde fez inauguração de duas creche. Ele também autorizou, aliás, o início da atividade delegada em Bragança Paulista.  Além disso, durante a visita João Doria prometeu que fará obras em rodovias da região.

Além do prefeito Jesus Chedid participaram do evento, por exemplo, os deputados federais Herculano Passos e Vanderlei Macris. O deputado estadual Edmir Chedid também esteve no local e fez pedidos para Bragança e região.


Entre os pedidos estão a duplicação das rodovias Capitão Barduíno (Bragança/Socorro) e Alkindar Monteiro Junqueira (Bragança/Tuiuti). Entra ano e sai ano, aliás, e as promessas de melhorias nas rodovias, não saem do papel.

Confira o que o governador disse sobre o assunto:


Na oportunidade, o governador disse que estudará ainda a implantação de uma unidade da ETEC em Bragança Paulista e que estudará outros pedidos nas áreas de saúde e segurança.

ATIVIDADE DELEGADA


Durante solenidade no Vista Alegre, o governador assinou convênio com a Prefeitura de Bragança Paulista para implantação da Atividade Delegada. Com a parceria, policiais militares irão auxiliar o município na fiscalização do comércio ambulante irregular e dos níveis de emissões sonoras.

De acordo com o anunciado na oportunidade, isto ocorre já a partir de segunda-feira, 11.

“Os policiais, mesmo não estando no seu horário normal de trabalho, estão integrados. E isso facilita e agiliza procedimentos que rapidamente mobilizam a pronta resposta nas ruas da Polícia Militar e da Polícia Civil”, disse Doria.

O convênio tem vigência de cinco anos com seis vagas diárias, sendo uma para oficial e cinco para praças. Os policiais poderão atuar até oito horas por dia e 80 horas por mês. Também podem atuar, por exemplo, em jornada com 12 horas diárias, tendo limite de até 96 horas mensais.

A atividade delegada foi implantada pioneiramente na cidade de São Paulo, em 2009. Atualmente já é desenvolvida em outras 60 cidades. Na região, há convênios nas cidades de Joanópolis, Bom Jesus dos Perdões, bem como Atibaia.

SEGURANÇA PÚBLICA


Além de assinar o convênio para a Atividade Delegada, o governador também falou durante seu discurso sobre segurança pública. Disse que em seu governo bandido vai para cadeia.

“Ao longo deste 67 dias prendemos mais de 12 mil pessoas. Pessoas não: bandidos, porque pessoas não roubam, pessoas não atentam, não afrontam contra outras pessoas e nem roubam o patrimônio alheio. São bandidos. 12 mil bandidos. Quatro penitenciárias presos em 67 dias. E eu quero deixar claro a todos que estão aqui, inclusive aos jornalistas, que enquanto eu estiver aqui com este time da Segurança Púbica, bandido vai para cadeia. Não tem perdão. Eu falei isto na campanha e cumpri”, disse.


Ainda com relação à segurança, Doria falou que foram presas três vezes mais criminosos no Carnaval do que no ano anterior e citou a transferência dos líderes do PCC para presídios federais. “Se aparecerem outros líderes vão receber o mesmo tratamento”, disse.

EDUCAÇÃO


Além de assinar o convênio, o governador fez o descerramento de placas de inauguração de duas unidades do Programa CrecheEscola. As construções foram realizadas com verba estadual. O investimento é de R$ 3,4 milhões.

Tanto a Escola Municipal Jardim Vista Alegre como a Creche Núcleo Habitacional Padre Aldo Bollini contam, por exemplo, com salas pedagógicas, berçários com fraldário e lactário, secretaria, refeitório, banheiros e área de serviço. As unidades também respeitam todas as normas de segurança e de acessibilidade e já estão em funcionamento.

Como a solenidade ocorreu no Vista Alegre, após os discursos, o governador conheceu a escola.

“O olhar do governo é para a rede pública em geral. A prova está aqui: duas escolas municipais para atender a primeira infância, que é uma fase muito importante da vida das crianças. O governo está aportando recursos com o compromisso de, ao longo de quatro anos, continuar apoiando os municípios para atender plenamente desde a creche até o ensino médio”, destacou Haroldo Corrêa Rocha, Secretário em exercício da Educação de São Paulo.

 

Fonte: Bragança em Pauta


← Voltar