Voltar

16/06/2016 22:48

Servidores insistem para reajuste salarial

Sob protestos e vaias contra o PT, a sessão de terça-feira, 29, da Câmara Municipal, foi agitada. Cerca de 350 funcionários municipais, sendo a maior parte professores, se manifestaram contra o reajuste de 0% oferecido pelo prefeito Fernão Dias (PT) aos servidores.
JUSTIÇA- Durante a campanha salarial deste ano o Sindicato dos Servidores Municipais de Bragança- Sismub realizou algumas assembléias em sua sede, no Matadouro, nas quais foram votadas as contrapropostas da Prefeitura. Na última, quando o reajuste de 0% foi declarado, o sindicato propôs o início de uma greve ou ajuizar ação na Justiça, para revisão salarial. A maioria escolheu a segunda opção. Caso os funcionários ganhem a ação, a Prefeitura deverá pagar com juros e correção.
SESSÃO- Logo no início da sessão a Associação dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo- APEOESP se pronunciou, a qual teve a legitimidade da participação colocada em dúvida, visto que o Sismub é o órgão responsável por acompanhar as discussões e campanhas salariais do funcionalismo.
Os manifestantes pediam uma data e horário com o prefeito, para renegociação, para que deixassem o plenário. Sob ameaça de parar a cidade, os funcionários pediam pelo menos a inflação como reajuste.
Segundo os vereadores, ninguém da Câmara foi consultado em nenhum momento sobre o reajuste. Os funcionários também protocolaram um abaixo-assinado na Câmara, para reforçar a manifestação.
Os vereadores intermediaram sobre a reunião, que foi agendada para a tarde de ontem com o prefeito.
Em seguida os dois vetos integrais do prefeito sobre o reajuste proposto pela Mesa Diretora aos servidores da Câmara e sobre o vale-alimentação, foram derrubados por unanimidade.
Outro projeto rejeitado foi o que prorroga o prazo de pedido para estender a licença-maternidade das servidoras municipais.
Outras oito propostas, entre projetos e moções, foram votados e aprovados. A sessão se estendeu até às 20h.

Fonte: Gazeta Bragantina


← Voltar