Voltar

16/06/2016 22:58

Violência marca clássico entre Palmeiras e Corinthians

Três torcedores do Palmeiras foram espancados após o clássico entre o time alviverde e o Corinthians, na noite de domingo, 3, na Zona Oeste de São Paulo. Segundo a polícia militar, 29 suspeitos, incluindo integrantes da torcida organizada Gaviões da Fiel, foram presos e levados a uma delegacia. Esta foi apenas uma das ocorrências envolvendo torcedores dos dois times.
O crime aconteceu na Avenida Doutor Arnaldo, perto da Rua Cardeal Arcoverde, próximo do estádio do Pacaembu, onde aconteceu o jogo. De acordo com a PM, as vítimas caminhavam pela via quando foram abordadas pelo grupo, que estava em um caminhão com instrumentos musicais da organizada.
Entre os detidos, está Tadeu Macedo Andrade e Leandro Silva de Oliveira que foram presos na Bolívia após participação na morte do torcedor Kevin Espada, de 14 anos. As três vítimas foram levadas ao pronto-socorro do Hospital das Clínicas. Duas foram liberadas e outra seguia internada. De acordo com a PM, ela estava em estado grave. Os nomes das vítimas e dos presos não foram informados.
Os times jogaram nesta tarde e o Palmeiras venceu por 1 a 0. As duas equipes entraram no estádio, unidas e de mãos dadas em protesto contra a violência.
OUTRAS BRIGAS- Antes do jogo, a Guarda Civil de Guarulhos, na Grande São Paulo, prendeu 25 torcedores do Corinthians e do Palmeiras após briga. Com os suspeitos foram apreendidos fogos de artifício e barras de ferro. Um torcedor foi espancado na porta da casa de uma mulher que não quis ter o nome divulgado.

Fonte: Gazeta Bragantina


← Voltar